3 de outubro de 2008

ADORO-TE

muito já falei aqui de ti Papá nos últimos 6 meses
da falta que me (nos) fazes
da inspiração que me dás
de tudo aquilo que fui buscar a ti
da força incrivel que me tens passado
do sorriso com covinhas todo teu
do verde mágico do olhar
das lágrimas que já correram
das músicas que são TU
das lembranças que ficam para SEMPRE
de tudo o que ficou por fazer e dizer
da SAUDADE
enfim de TUDO o que tu és
e da AUSÊNCIA CORTANTE que exige ser transformada
numa força que nos faça levar aos quatro tão longe quanto tu sonhas!
Aqui, e a poucos minutos de entrarmos no dia 4 de Outubro, venho dizer que esse dia em 1941 foi O DIA que me fez naquilo que hoje sou e que para sempre irei comemorar, o dia em que NASCESTE! Brindemos aos 4 de Outubro, a este que agora começa e a todos os que esteja por aqui para poder brindar!!!!!!!!
(a foto... tirada este ano a 28 de Fev, cá em casa no aniversário da C.)
Ar feliz e gozão esse teu :-)! É assim que te recordo, SEMPRE

2 comentários:

tuBo em cima disse...

Oh guapa, fico sempre tão emocionada com o que escreves sobre o teu pai.

PARABÉNS ao RAMBO pela filha fantástica, que tenho a sorte de ter como uma ENORME amiga, das melhores que alguém pode ter.

laurinda alves disse...

Comoveu-me ler o que escreveu sobre o seu Pai. Hoje em especial porque tinha acabado de o 'conhecer' no táxi que nos levou à Luz (literal e metaforicamente falando), em que me falou dele. Obrigada por ter acrescentado tanto ao meu dia! Abraço.