5 de abril de 2008

Ao meu PAI

Papá,
num dia como o de hoje queria dizer-te tudo aquilo que gostaria de ter dito ao longo da vida e não cheguei a dizer em palavras. És um exemplo de amor, coragem, bom humor e disposição, optimismo, capacidade de dar a volta, de diplomacia, de relações publicas e integrador de relações, e, acima de tudo de HUMANIDADE! Amo-te por tudo isso, por tudo aquilo que foste para nós mas que hoje sinto-o com toda a força do mundo que vais ser SEMPRE! Alguém que não nos vai esquecer a nenhum dos 4 por um segundo sequer!
Imagino que estejas a pensar: "assim sendo, porquê chorar por estar fisicamente o mais longe que se pode estar?!?" Dá-nos só algum tempinho e força para que consigamos habituarmo-nos a este novo PAPÁ. Tudo o que nos deste aos quatro vale muito e te garanto que isso é no minimo o que cada um de nós deixará no dia em que for embora.
Um beijo e abraço enormes desta uma quarta parte de ti, que quer que te continues a orgulhar dela tanto ou mais do que orgulhaste desde que ela nasceu até hoje :-)

(nem sabes o que me descansa sentir que não sofreste e - não sei como - saber que estás bem e em paz como sempre sonhaste!!!!!!!)

ML

2 comentários:

Na Lua da Alice disse...

Um grande abraço ao Sr. Luís que não conheci bem mas realmente criou 4 filhos fantásticos que se adoram e que têm uma relação fantástica entre si.
Um beijo muito grande aos quatro
Yola

tuBo em cima disse...

Ao papá da minha grande amiga:

Tudo farei para que a minha amiga se sinta feliz, segura, realizada e nunca sozinha. Tenho muito orgulho na pessoa que é e sei que sou uma sortuda por poder ter a sua amizade.

Obrigada por me ter dado uma AMIGA como há poucas. Descanse em Paz.

Christine Trévidic